Theme Layout

layout_grid

Boxed or Wide or Framed

Theme Translation

Display Featured Slider

Featured Slider Styles

[Boxedwidth][caption2]

Display Trending Posts

Display Instagram Footer

userId: 200280022, accessToken: '1677ed0.27286c4787d645babafe132cb8a61844',

Dark or Light Style

O Último Adeus - Cynthia Hand



Só quem sofre a dor da perda de alguém muito próximo sabe como é isso, e o quanto é difícil compartilhar sobre com alguém. Mas Cynthia Hand compartilhou essa experiência com a gente através de Lexie, arrancando lágrimas de muitos leitores, inclusive as minhas. O Último Adeus é um livro que trata sobre suicídio e a depressão de forma delicada e sensível, com uma escrita envolvente e acessível. Foi lançado aqui no país em Junho desse ano e chegou em minhas mãos pela Darkside Books.

O livro é narrado em primeira pessoa por Alexis Riggs (Lexie ou Lex), uma garota que está no fim do colegial. Lex perdeu seu irmão mais velho, Tyler, quando ele decidiu cometer suicídio alguns dias antes do Natal. Agora ela vive apenas com sua mãe, que é divorciada do seu pai e está em uma inconsolável tristeza. Depois de sua mãe insistir bastante, Lex começa a fazer algumas seções de terapia com Dave, e assim, de início contra a própria vontade, começa a escrever sua história e os seus pensamentos como parte da terapia para tentar lidar com tudo o que aconteceu. A partir desse momento, adentramos na vida de Lex e passamos acompanhar o seu dia-a-dia após a esse turbilhão de acontecimentos, como ela tenta ser forte.

Os capítulos alternam entre os acontecimentos do presente e a parte "diário" de Lex com as suas lembranças e memórias sobre Tyler. A convivência dela na casa se resume em ver sua mãe extremamente emotiva, chorando toda hora enquanto tenta ser mais fria e forte para ajudar a mãe. Porém as coisas começam a mudar quando sua mãe começa a sentir que Tyler ainda está vivo, através do perfume dele. Lex nunca apoiou sua mãe e, inicialmente, acreditava que ela estava ficando louca, mas logo começa a ver as coisas dele também, e sentir o fantasma de seu irmão está pedindo ajuda para acabar assuntos irresolvidos. Com isso, Lexie tem que enfrentar seus próprios medos e conflitos,para tentar ajudar Tyler. O bacana é que o livro não deixa claro se o fantasma é real ou não, e isso dá um toque diferente para a história. O irmão realmente apareceu ou foi a mente de Lex que fez isso para ajudá-la a lidar com tudo? Fica a questão.


O livro é bastante viciante, o enredo é fantástico e me prendeu desde o início. Cynthia Hand foi capaz de lidar com o tema de suicídio de uma forma inteligente e emocional, conseguindo adicionar um certo encanto e positivismo na história. A maneira como ela descreveu a dor neste livro realmente mexeu comigo, mas também há partes mais humoradas e, quando menos se espera, a autora junta os pontos da história e cria um final brilhante. É difícil falar desse livro, todos deveriam ler para sentir isso tudo. Como eu disse na resenha de Confissões do Crematório, eu sou uma pessoa que, infelizmente, já sofri muitas perdas na vida, e acompanhar Lex me tocou bastante porque eu consegui me ver, de certa forma, na personagem: suas ações, seu jeito próprio de lidar com as coisas, sua personalidade e até mesmo seu amor pela matemática. O fato dela se parecer tanto comigo só deixou a experiência muito mais intensa pra mim. Enfim, não tenho palavras pra descrever o quanto esse livro me comoveu. É simplesmente lindo e brilhante.

A edição da Darkside Books está muito bonita e bem pensada. Os rabiscos, as letras azuis imitando a escrita de caneta, faz o livro parecer muito com um diário, como se fosse a letra da Lex. Nem preciso falar que é lindo né?

O Último Adeus não é sobre o choque da notícia, nem sobre o funeral. É sobre o que vem depois, quando você precisa seguir, mas é difícil. É sobre as pequenas coisas que te lembram sobre sua perda, sobre buraco no coração que fica, sobre aprender a viver com sua dor. Não tenho palavras para demonstrar o quanto gostei desse livro, o quanto ele me comoveu, me fez pensar sobre muitas coisas. É um livro que eu indico para qualquer pessoa, pois todos nós precisamos aprender a valorizar cada momento da nossa vida com pessoas queridas, aprender a demonstrar melhor  nossos sentimentos, ser melhor com quem nos importamos.

E você, já leu ou ouviu falar de O Último Adeus? O que acha? Deixa aí nos comentários

Leia Também:

Nenhum comentário

Postar um comentário

[name=Vân Crist] [description=Your Description Here] (facebook=https://www.facebook.com/vaniacristinast) (twitter=https://twitter.com/VanzZombie) (instagram=https://www.instagram.com/vancrist/) (pinterest=https://pinterest.com/vancrist/) (tumblr=http://zombieffect.tumblr.com/)

@vancrist